2011/10/06

Quem quer saúde que a pague!

Cerca de quatro milhões de portugueses poderão pagar 50 euros para ir às urgências. As taxas moderadoras, nos Centros de Saúde serão mais baratas que nos hospitais.
Os doentes isentos de taxas moderadoras devem ultrapassar 60 por cento do total.
Mantêm-se isenções a grávidas, crianças até 12 anos e doentes crónicos. Mas estes últimos terão de pagar taxa sobre cuidados não relacionados com a sua doença.
Em Conselho de Ministros, o Governo aprovou já o novo modelo de isenções das taxas moderadoras. No entanto, a tutela ainda não apresentou os novos valores a pagar.
O Governo liderado por Pedro Passos Coelho isenta, ainda, de pagamento os agregados com rendimentos mensais totais, por pessoa, inferiores a 1,5 vezes o valor do Indexante dos Apoios Sociais (IAS), fixado em 624 euros, estando, desta forma, isentos os casais com rendimentos inferiores a 1248 euros por mês.
Sabe-se já que os valores das taxas não irão ultrapassar um terço do custo, que é de 150 euros, em caso de urgência hospitalar.
Neste caso, a taxa moderadora andará sempre abaixo dos 50 euros, quando hoje é de 9,60 euros.
Segundo as contas do Diário de Notícias, são cerca de quatro milhões de portugueses, que não vão estar isentos da referida taxa.
O “zé povinho” ao saber desta medida de austeridade já fazem algazarra e dizem fazerem protestos!
Quanto a mim, digo da minha justiça: à que pagar sim… e as medidas estão bem feitas! Penso de que, acima de tudo está a nossa saúde, pois se há dinheiro para carregarem telemoveis, comprar telemoveis e computadores de topo de gama; não podem passar sem ter o MEO ou a TV Cabo; se até pedem dinheiro para passarem férias no estrangeiro, construirem uma casa quando erdaram uma dos pais, trocar de carro só porque o outro já tem mais de 8 anos; não faltam os euros para beber café, tabaco e cerveja todos os dias; só querem vestir e calçar maracas carissimas onde pagam cinco ou oito vezes mais caro; o fim de semana é nos pub’s bares e discotecas! Depois vêm reclamar por terem que pagar o que de mais precioso nos é!
A saúde está em primeiro lugar e eu não me importaria nada de ter que pagar as medidas impostas por este governo! Andaram a viver no “país das séte maravilhas”, agora querem continuar com os vicíos! Continuem mas a saúde é para ser paga!
Não é dificil, em vez de 3 cafés bebam um, em vez de 2 maços de tabaco fumem um, em vez de 4 cervejas bebam uma! Aprendam a regrar a vida ou então saiam de viver na sociedade de consumismo, porque não sabem cá viver e andaram a viverem à “lá-gardel”! por estas coisa e outras mais é que sinto a necessidade de ir viver para a selva!

2011/09/24

Grande balbúrdia no jardim da ilha paradisíaca!

O Governo da Madeira, "na sequência das acusações feitas à Região" relativas à situação financeira, salientou que esta região autónoma, entre 2004 e 2011, recebeu do Estado menos 622 milhões de euros que os Açores.
Com base no quadro comparativo das verbas transferidas para as duas Regiões Autónomas ao abrigo da lei de Finanças Regionais e as inscritas no Orçamento de Estado enviado à agência Lusa, o gabinete de Alberto João Jardim alega que decidiu divulgar estes dados, "que são oficiais e têm por fonte o Orçamento do Estado, uma vez que o Governo da República não os utiliza, estando a Madeira a ser atacada".
Segundo esse quadro, entre 2004 e 2010, a Madeira recebeu um total de 1.352.650.749 euros, enquanto que os Açores somaram transferências de 1.974.767.588 euros.
Assim, entre as duas regiões autónomas há uma diferença de 622.116.839 euros, "beneficiando os Açores de mais verbas durante os governos da República de José Sócrates" referiu fonte do gabinete de Jardim.
Esta informação da presidência do Governo da Madeira vem na sequência da polémica em torno da "grave" situação financeira da Região, não tendo sido ainda oficialmente divulgado o montante da dívida pública, que levou o Executivo de Alberto João Jardim a pedir um programa de ajustamento financeiro para esta região.
Entretanto, o Instituto Nacional de Estatística (INE) e o Banco de Portugal acusaram na sexta-feira a Administração Regional da Madeira de ter omitido informação relativa às suas contas públicas , que consideram "grave" e da qual não têm conhecimento de casos similares.
Entretanto o ministro das Finanças, Vítor Gaspar, disse que deverão ser "muito limitados" os impactos do buraco agora conhecido nas contas da Madeira no défice orçamental de 2011, que deverá ficar em 5,9 por cento do PIB. O secretário-geral do PS, António José Seguro, atirou pedras contra Alberto João Jardim e ao primeiro-ministro, Passos Coelho, em relação ao buraco financeiro na Madeira! Primeiro: O presidente da Republica Aníbal Cavaco Silva, o INE e o Banco de Portugal já sabiam deste buraco, julgo eu pelo que leio e segundo sei, nenhum banco faria o empréstimo bancário sem que o Banco de Portugal o saiba. Segundo: Estive na Madeira há pouco tempo e com toda a certeza que a Ilha está não só com um buraco mas com muitos buracos pois, para quem lá esteve há pouco tempo, poderá confirmar que toda a ilha foi perfurada com túneis que fazem com que os madeirenses e turistas se liguem e possam estar menos isolados uns dos outros devido à construção destas vias de comunicação. Terceiro: Ninguém pode ignorar e ser contra esse buraco financeiro, pois a ilha sofreu uma catástrofe provocada pelo temporal. Também, sabemos que a ilha da Madeira se endividou mais no tempo do incompetente Sócrates ao serviço do partido socialista, como tal o secretário do PS "António José Seguro" não tem que atirar com pedras como o tem feito ultimamente! Por outro lado, é sabido que o orçamento do estado para as regiões autónomas foi mais magro para a ilha da Madeira do que para os Açores, como já o disse, provavelmente por ser governado, os Açores, pelo Partido Socialista.
Qual é a Câmara Municipal em Portugal que não está com um buracão? A Madeira tem buraco mas também tem muitos túneis e fez muita obra ao contrário do que acontece no continente que tem buracos mas não há obra feita! No continente ouve foi desvio de dinheiros dos contribuintes para onde, não sei!
Negando o que todos ouviram e viram declarar em comícios, Alberto João Jardim diz agora que “tem sido atribuída ao Governo regional da Madeira uma intenção dolosa de 'ocultar' dados que seriam devidos a Entidades da República Portuguesa”. “Para tal, manipula-se qualquer eventual frase, normal na torrente discursiva e emocional de um comício, só por se ter chamado à atenção que, se por coincidência os acertos então em curso estivessem prontos para comunicação à República, poderiam implicar mais cortes de verbas por parte do Governo Socialista”.




O Chefe do Governo madeirense reitera ainda que foi sua “preocupação não parar a Região, apesar da lei de finanças regionais socialista, fazendo as devidas correcções de contas com Bancos e Credores, e, logo que possível, informar nos termos da lei”. Assim, conclui o comunicado assinado por Jardim, “é doloso nos atribuir qualquer intenção em contrário, até porque o tornado público pelo INE foi com base nos próprios dados fornecidos pelo Governo Regional”.
No sábado passado, Alberto João reconheceu que tinha escondido défices da região para não ser penalizado com cortes nas transferências do Estado. “O Sócrates, o Teixeira dos Santos e o seu deputado Maximiano Martins, candidato do PS à presidência do governo, que fez esta pouca vergonha toda à Madeira, tinham uma lei em que o Governo da República podia aplicar sanções sobre o Governo regional, se o Governo regional continuasse com obras a fazer dívida, porque eles não nos tinham dado o dinheiro e não nos autorizavam a fazer dívida”, confessou Jardim num jantar comício na Ribeira Brava.
Por isso, justificou ainda, “não era aconselhável, porque eles ainda nos tiravam mais dinheiro, mostrar o jogo todo a um Governo socialista que não era sério, revelou o líder madeirense confessando ter, em estado de necessidade, assim agido em legítima defesa. Jardim referia-se à retenção de transferência com que a Madeira foi punida por ter ocultado em 2005 a operação de titularização de créditos, por dívidas a empreiteiros, no montante de 150 milhões de euros.
Teixeira dos Santos limitou-se então a accionar uma sanção prevista no artigo 9.º da Lei do Enquadramento Orçamental, aprovada em 2001, sendo Ferreira Leite ministra das Finanças, mas que nunca fora executada por anteriores governos em casos do seu incumprimento por parte de Alberto João. A referida norma determina que os Açores e a Madeira não poderão endividar-se para além dos valores inscritos no Orçamento do Estado, estipulando ainda que o aumento de endividamento em violação desta norma “origina uma redução no mesmo montante das transferências do Orçamento do Estado devidas no ano subsequente, de acordo com a respectiva lei de financiamento”.
Na minha óptica e no meu mal compreender, será que não se poderiam calar com esta divida, que até foi feita em prol de benfeitorias aos portugueses! Se não… porquê perdoaram a divida ao governo angolano, se a memória não me falha, no mandato de Guterres? Arranjem-me maneira de ir viver para a selva!

2011/09/08

As medidas de austeridade por culpa de uma esquerda!

O primeiro-ministro, no encerramento da Universidade de Verão, na visita a Campo Maior disse que, “não estava á espera de ser primeiro-ministro no tempo de facilidades, mas também não viro a cara à primeira dificuldade. As pessoas que pensão, que só se pode viver a trabalhar sem críticas, enganam-se porque não há ninguém que possa estar isento de críticas. Aceito as criticas que possam querer fazer com muito bom agrado!”. Sublinhou ainda, já dentro do pavilhão onde a Universidade de verão estava a espera, que: “Podemos fazer do ano 2012 o ano do princípio do fim da emergência Nacional, como de todos os períodos de transição, será um ano duro, repleto de desafios e obstáculos. Resta acrescentar que juntos iremos vence-los!”. Paços Coelho diz que não pode falhar as medidas da TROIKA custe o que custar. “No dia em que eu tiver que aumentar impostos, por erros de políticas minhas ou deste governo, nesse dia eu aceito a critica, fiz o que não tinha prometido. No dia que for necessário cortar mais despesa e aumentar impostos para impedir que Portugal caia na banca rota, ai isso eu não tenho dúvida nenhuma que não mando dizer por ninguém, digo eu mesmo! A despesa, em percentagem do PIV irá diminuir todos os anos até passar de 50,6% em 2010 para 43,5% em 2015”. São as garantias de Paços Coelho com menos certeza com um novo aumento de impostos. “Eu posso garantir que o governo fará tudo o que está no seu programa, para que, se possa cumprir ao longo destes 3 anos, que o esforço essencial que irá ser feito do lado da despesa e não do lado de impostos. Esperamos que, até 2015, mantenha a receita fiscal que estava prevista, quer dizer, não precisaremos de a aumentar mais, a não ser que haja algum evento que não decorra das nossas acções que sejam imposto de condicionantes externas”.
Na reacção o PS diz que o primeiro-ministro deveria pedir desculpas aos portugueses por ter aumentado os impostos. O deputado Carlos Zorrinho diz: “Nós não rompemos nada daquilo que é de acordo com a TROIKA, agora não estamos disponíveis para alinhar num fundamentalismo completamente desnecessário com os resultados que estamos a ver para ir para além da TROIKA. Os especialistas do Banco Central Europeu, do Fundo Monetário Internacional, da União Europeia, analisaram a solução da economia portuguesa, e concordaram com o governo português e com os principais partidos, medidas muito duras no conjunto de medidas muito assertivas e essas medidas nós estamos dispostos a que sejam aplicadas. Agora, ir para alem da TROIKA, o resultado que dá é aquele que estamos a ver, é uma asfixia à economia, é um ataque brutal á classe média e é a criação de necessidades cada vez maiores ao financiamento e aumento de impostos, quanto a isto somos completamente contra”.
Aqui eu digo o seguinte: Quem criou esta situação de estar-mos a passar pela crise, quem enterrou este país durante os 6 anos de um governo incompetente, em vez de estar a dizer disparates, à comunicação social, deveria era estarem sentados no banco dos réus dentro do tribunal! A situação que hoje vivemos deve-se aos partidos de esquerda principalmente ao que já esteve no poder desde o 25 de Abril de 1974. Esquerda… nem para cumprimentar alguém!

2011/09/03

Peixe-gato ou Panga - PERIGO para a SAÚDE PÚBLICA

Há pouco tempo descobri um novo peixe, aparentemente perfeito: filetes muito branquinhos, frescos ou congelados, sem espinhas e a bom preço no super...
Claro que decidi experimentar...
A minha primeira impressão do sabor do peixe não foi a melhor, (embora fosse a única a encontrar algo estranho, pois é um sabor muito ténue...)
Hoje voltei a comer, e tal como da primeira vez que provei este peixe volto a saber, muito ligeiramente a "bolor"/mofo, pelo que durante o almoço construi as seguintes hipóteses para explicar esse sabor ténue: este peixe deve ser de rio e é necrófago...
Acabei de almoçar e pesquisei na net e encontrei o texto que vos envio abaixo.
NOTA - achei por bem enviar, porque muitos de vocês já terão provado e gostado...
O Peixe-gato ou panga: a nova aberração da globalização.
O panga é um novo tipo de peixe que encontramos sobretudo sobre a forma de filetes, a um preço muito barato(?).O panga é um peixe de cultura intensiva/industrial no Vietname, mais exactamente no delta do rio Mekong e está a invadir o mercado devido ao seu preço.
Eis o que deve saber sobre o Panga:
Os Pangas estão infestados com elevados níveis de venenos e bactérias.
(Arsénio dos efluentes industriais e tóxicos e perigosos subprodutos do crescente sector industrial, metais contaminantes, bifenilos poli clorados (PCB), o DDT e seus (DDTs), clorato, compostos relacionados (CHLs), hexaclorocicloexano isómeros (HCHs), e hexaclorobenzeno (HCB)).
O rio Mekong é um dos rios mais poluídos do planeta.
Não há nada de natural nos Pangas - Eles são alimentados com peixes mortos restos e ossos de secas e de solo numa farinha, da América do Sul, a mandioca (mandioca) e resíduo de soja e grãos. Obviamente, este tipo de alimentação não tem nada a ver com a alimentação num ambiente natural.
Ela mais não faz do que assemelhar-se ao método de alimentação das vacas loucas (vacas que foram alimentadas com vacas, lembra-se?) A alimentação dos pangas está completamente desregulada. O panga cresce 4 vezes mais rápido do que na natureza...
Além disso os pangas são injectados com PEE -alguns cientistas descobriram que se injectassem as fêmeas pangas com as hormonas femininas derivados de desidratado de urina de mulheres grávidas, a fêmea Panga produziria os seus ovos muito rapidamente e em grande quantidade, o que não aconteceria no ambiente natural (uma Panga passa a produzir assim aproximadamente 500.000 ovos de uma vez). Basicamente, são peixes com hormonas injectáveis (produzidas por uma empresa farmacêutica na China) para acelerar o processo de crescimento e reprodução. Isso não pode ser bom.
Ao comprar pangas estamos a colaborar com empresas gigantes sem escrúpulos e gananciosas que não se preocupam com a saúde e o bem-estar dos seres humanos.
Este comercio está a ser aceite por grandes superfícies que os vendem ao público em geral, sabendo que estão a vender produtos contaminadas.
Nota: devido à prodigiosa quantidade de disponibilidade de Pangas, este irá acabar noutros alimentos: surimi (aquelas coisas com pasta de peixe), peixe terrines e, provavelmente, em alguns alimentos para animais (cães e gatos!).
(texto traduzido)
Diz-se que comer peixe é bom para a saúde, mas eu já começo a duvidar de tudo!

2011/08/10

Racismo e xenofobia por obrigação!

“Nunca fui racista até os meus 25 anos, mas neste momento, que tenho 27 anos sou-o desde há dois anos a esta parte!”. Lamenta um jovem, solteiro, de raça portuguesa, nascido, vivendo e já como trabalhador em França. Segundo este jovem, os jovens europeus que vivem em França estão-se tornado racistas e xenófobos, por culpa das leis do país. Isto, porque acontece o seguinte: na lei francesa existe o apoio às mulheres que se apresentem sem marido e que tenham vários filhos; por exemplo, se uma mulher tiver mais de 3 filhos e não tiver emprego, o estado participará com casa e um rendimento que lhes dará a possibilidade de sobreviverem. Imaginemos se uma mulher dos países árabes conseguio legalizar-se em França e se tiver 4 ou 7 filhos, essa mulher receberá uma grande habitação e um rendimento que corresponderá cerca de 1000,00€ por cada filho e cerca de 1500,00€ para ela. Agora, imaginemos que esta mulher se apresenta como mãe sem marido mas ela é uma das 3, 4, ou 7 mulheres de um árabe e que todas elas conseguiram legalizarem-se em França, ou são refugiadas de guerra dos países em conflitos, como a Líbia, o Líbano, Egipto, Argélia, etc. o marido, destas, vive como um Rei, pois não precisa trabalhar, vivendo assim, como chulo das suas mulheres, das quais legalmente, no seu país, é casado pela religião islâmica. “Trabalho e faço os meus descontos para governar negros e árabes que vivem, como se diz na gíria, á grande e á francesa! Eles não procuram trabalho e nem querem mesmo que lhe falem nisso pois vivem super melhor que eu que trabalho no duro! Eles, não pagam impostos, tem melhores carros, frequentam os lugares mais caros e divertem-se melhor que nós os europeus cristãos! Por este motivo estamos a tornar-nos em racistas e xenófobos por culpa da lei! Também, se notarem bem nas imagens televisivas, são eles, os principais, que aparecem nos conflitos nos grandes urbes franceses”.
De facto, ao ouvir este comentário, deste meu amigo de raça portuguesa com dupla nacionalidade, pôs-me a meditar e a ver que a Europa está á beira de uma bomba prestes a detonar e que já deram reflexos em França e neste momento estão, também, em Inglaterra!
A globalização, para mim, faliu!

http://www.rtve.es/alacarta/videos/telediario/disturbios-se-concentran-norte-inglaterra-tras-tomar-londres-16000-policias/1171180/

2011/07/27

Por vezes o meu cérebro pára!!!

O meu normal, quando estou acordado, é ter o meu cérebro sempre a funcionar. Acompanhado ou não, ele é muito imaginativo e às vezes dou comigo a pensar em coisas do “arco-da-velha”! Vejam bem que, enquanto o médico de Michael Jeckson está a ser interrogado como arguido, pelo facto de ser o culpado pela morte do cantor, temos por outro lado, a família Jackson que está a produzir um mega conserto “Tributo a Jackson”! Por outro lado, comenta-se, que Jackson poderá ter sido morto por alguém próximo por saberem que depois de morto iriam ganhar muito mais dinheiro! Nada me surpreende e acabo por acreditar mais neste ultimo argumento do que na negligência do médico. O mundo enlouqueceu, pois vejam o caso de Amy Winehouse. Tal como ele existem milhares, mesmo em Portugal, basta que vejamos os fãs que tinha. Por várias vezes que a tentaram recuperar, tirando-a da droga e do álcool mas ela não aceitou. Amy já havia dito à família como lhe prepararem o funeral e sempre que actuava em palco era sobre o efeito de uma grande pedrada de droga e álcool. Era assim que os fãs a gostavam de ver e ela procurava satisfazer a necessidade de seus fãs que era morrer com uma overdose. O Deus… que animal mais estúpido crias-te tu? Vê bem a estupidez deste animal a quem lhe deste o poder de raciocinar!!! Cada vez sinto mais a necessidade de ser selvagem!!!

2011/06/30

O VINHO, símbolo de uma civilização

O vinho tem ocupado desde sempre a atenção do Homem. É um símbolo da Civilização Ocidental. Algumas citações, revelam bem a sua importância ao longo da História.
“Vinho – veneno que mata lentamente, tão lentamente que há bebedores que morrem centenários”
(Plutarco, escritor grego, 400 anos a. C.)
“Onde o vinho falta não há lugar ao amor”
(Eurípedes, poeta grego, 400 anos a. C.)
“O vinho tem a virtude de fazer falar livremente e francamente e de fazer dizer a verdade”.
(Plutarco, escritor grego, 50-125 anos a.C.)
“A bebedeira não suscita os vícios; ele limita-se a pô-los em evidência”
(Séneca, filósofo preceptor de Nero, contemporâneo de Cristo)
“Aquele que tem bebido vinho perdoa facilmente a bebedeira.”
(Saadi, poeta persa, Séc. XIII)
“Á medida que o vinho entra em nós, sai o segredo”.
(provérbio hebraico)
“ O vinho das fortes é o veneno dos fracos”.
( Vitor Hugo)
“ O vinho é a mais sã e higiénica das bebidas”.
(Pasteur)
“O vinho é uma prova constante de que Deus nos ama e deseja ver-nos felizes”
(Benjamim Franklim)
“O vinho a mais nem guarda segredo nem cumpre palavra”
(Miguel Cervantes)
“Deus criou a água, mas o homem fez o vinho”
(Vitor Hugo)
“A penicilina cura os homens, mas é o vinho que os torna felizes”
(Fleming)
“Tirei mais proveito do álcool, do que o álcool tirou de mim”
(Winston Churchil)
“Os que bebem vinho, vivem mais do que os médicos que o proíbem”
(Mussolini)
“Comer é uma necessidade do estômago; beber é uma necessidade da alma”
(Cleude Tillier)
“Aquele que encomendou meia garrafa de vinho, faltar-lhe-á a outra meia”
(Gomez de la Serna)
“O vinho dá de comer a u m milhão de Portugueses”
(Salazar)
“Aquele que se embriaga não sabe comer nem beber”
(Brillat – Savarin)
“Se o vinho prejudica os teus negócios… deixa os negócios”
(G. K. Gesterton)
“Os homens são como os vinhos: A idade azeda os maus e apura os bons”
(Cicero)

-------------------------------------------------------------------------------------
TODOS ME CRITICAM QUANDO ESTOU BÊBADO. MAS NINGUÊM ME CONHECE QUANDO ESTOU COM SEDE!

2011/06/06

Os Portuguêses derrubaram a Esquerda, Viva Portugal!

Legislativas 2011: PSD lidera resultados
Por Daniela Espírito Santo
Publicado: 05.06.2011 21:40 (GMT)




O PSD foi o grande vencedor das eleições legislativas. Passos Coelho é o próximo primeiro-ministro. José Sócrates abandona liderança do PS.
O Partido Social-Democrata (PSD) foi o grande vencedor destas eleições legislativas. Encerradas as urnas, todas as sondagens apontavam para uma vitória do PSD, situação que coloca Passos Coelho como primeiro-ministro.
Segundo a RTP, O PSD reunia entre 37 e 42% dos votos dos portugueses, contra os apenas 26 a 30%. Já a SIC não mudava muito nos resultados, adiantando 38,3 a 42,5% para o PSD e 25,5 a 29,7% para o PS. Na TVI, os números também não diferiam muito, com o PSD a acumular 37,7 a 42,5% dos votos e o PS a conseguir apenas entre 24,4 e 28,8%.
Os resultados, agora apurados na sua totalidade, garantem 38, 63% ao PSD e 28, 05% ao PS. O CDS-PP, que já se mostrou disponível para ajudar a formar um governo de maioria absoluta com o PSD, reuniu a preferência de 11,74% dos votantes. O Bloco de Esquerda foi um dos derrotados da noite, conseguindo apenas 5,19% dos votos, ultrapassado pela CDU, que acumulou 7,94% das preferências.
À luz de tais resultados, José Sócrates acabou mesmo por se demitir da liderança do PS. O ex-primeiro-ministro garante que sai "sem ressentimentos" e com o sentimento "de dever cumprido", deixando os cumprimentos a Passos Coelho, "herdeiro" da governação de Portugal.
Por sua vez, Passos Coelho agradeceu as felicitações, mas garante que não é altura "para triunfalismos", pois Portugal enfrenta "sérias dificuldades". Num discurso pautado pela lembrança da situação financeira grave do país, Passos Coelho garante que "os resultados não aparecerão em dois dias", mas que fará tudo o que estiver ao seu alcance para enfrentar as dificuldades "com coragem". Para terminar, e antes de se ouvir, em sede de campanha, o hino de Portugal, Passos Coelho dedicou a vitória "aos jovens portugueses".
Uma viragem à Direita
Parece certo que Portugal gozará de um governo de coligação durante o próximo mandato. Paulo Portas, no seu discurso sobre os resultados do sufrágio, assim o deu a entender, ao confirmar "a disposição do CDS para construir uma maioria para quatro anos" com o PSD. Já Passos Coelho também garantiu que "os portugueses terão um Governo de maioria liderado pelo PSD".
O PSD elegeu, ao todo, 105 deputados, enquanto que o PS conseguiu 73 lugares na Assembleia da República. O PP terá 24 pessoas no Parlamento, a que se juntarão os 14 deputados eleitos pela CDU e os oito do Bloco de Esquerda.
A grande surpresa deste sufrágio coube ao Partido pelos Animais e pela Natureza (PAN), que, com poucos meses de existência, se tornou a 7.ª força política. Apesar dos mais de 57 mil votos angariados, ficou (por pouco) por terra o sonho de eleger um deputado.
Notícia actualizada às 00h24 de 6 de Junho de 2011
…………………………………………………………………………………………………………………………………………….
Grande vitória esta! O povo português, apesar de escorraçar com o politico mais mentiroso, arrogante e incompetente, que em 6 anos afundou este país e o tornou pedinte! A ele se deve a entrada do FMI, a ele se deve a corrupção do Freepot em Alcochete, da Face Oculta, as empresas fictícias que foram colocadas a fazerem os trabalhos em outras como é o caso dos “Talhas” na Refer, a “REN” na EDP e tantas outras, os 700 mil empregados que foram para o desemprego, etc. etc.. Este politica de meia tigela é um ditador, de tal forma que ao perder as eleições abandona o leme no seu partido! Que vá cavar terra que é para o que ele preste. Estou confiante que com Paços Coelho, um economista que é, foi gestor em empresas, vamos sair da crise e ter um Portugal que merecemos.
Já o disse e volta a repetir: sempre que o Partido Socialista (esquerda) esteve no governo, desarruma a casa e coloca-a pedinte! Depois é o Partido Social Democrata quem tem a tarefa, difícil, de a voltar a arrumar! Mas os portugueses que se preparem, pois na situação difícil em que o país se encontra, teremos todos juntos de aceitar as medidas de austeridade que aí vem. Mas estou crente, que depois deste mandato (4 anos) Portugal estabilizará o défice e sairá da crise. Viva Portugal, viva o PSD, Viva Paços Coelho!




2011/06/01

A Selvajaria!



Desde adultos a criânças, portugal tornou-se num país de "Selvagens"! Por favor, não lhes chamem isso! São outro nome, pois os selvagens não têm estas atitudes!
Click neste link: http://batalhaodecacadores598.blogspot.com/2011_06_01_archive.html

2011/05/27

É assim que se apanha um mentiroso!


Amigos, vejam como é que um politico enquanto deputado diz uma coisa, como primeiro-ministro diz outra! Fartei-me de rir ao ver este video, vejam-no tabém, pois serve para vos colocar de boa disposição logo pela manhã! Rsrsrs... isto há cada uma! Á 6 anos a tráz ele dizia que iria criar 150.000 empregos, ao decorrerem estes 6 anos, colocou 700.000 no desemprego.

2011/05/14

O Bem e o Mal vivem de mãos dadas em nome dos direitos humanos!


O Bem e o Mal são realmente coisas muito relativas. Ver um Prémio Nobel da Paz anunciar orgulhoso a morte de um homem é emblemático. Posição mais moderada teve felizmente a Igreja Católica. Bin Laden matou 3.000 pessoas no 11 de Setembro. A Administração Americana matou 300.000 no Iraque. Hoje não tenho dúvida nenhuma em afirmar que me identifico muito mais com o milionário saudita que abdicou das suas riquezas pela sua causa do que com estes "polícias do mundo" que invadem qualquer país para atingir os seus objectivos internos. Isto é uma grande mentira, os Americanos não mostraram o corpo porque mataram gente errada e para não serem acusados dizem que mataram o Bin Laden, é mais do que obvio. O 11 de Setembro na minha convicção foi obra dos próprios americanos, foi uma porta aberta para invadir os Países Árabes, e tudo isto pelo controlo do ouro negro. Os seres mais sangrentos de toda a humanidade, e muitos dos terroristas formaram-se lá, e ganharam ódio aos sangrentos que falam com uma grande lata em humanizar os Povos, porque é que nunca ajudaram um País, a Etiópia ou a Somália por ex: (não tem petróleo). Podem chamarem-me de céptico, de são Tomé, ou outra coisa qualquer, mas a verdade é que nenhum destes cavalheiros se parece minimamente com o Sr. Bin Laden. E mesmo que se parecessem, não é a fotografia de um tipo barbudo com a cabeça rebentada que vai provar que o dito sujeito morreu. Indivíduo barbudo com a cabeça estilhaçada por um ou vários tiros é coisa que não falta lá para aqueles lados. Ou seja, a exibição deste tipo de imagens não acrescenta um pingo de credibilidade à história, e portanto não serve para nada, a não ser para satisfazer o voyeur que há em cada um de nós, e para ajudar os media a vender e a lucrar.
Que se ponha um ponto final na novela "Bin Laden", presumindo-se o cavalheiro morto, até nova prova em contrário A impoluta ONU, através dos seus inúmeros funcionários (sobretudo, funcionárias) muito bem remunerados e acomodados com proventos provenientes de meios pouco puritanos, está sempre pronta para dar nas vistas em defesa dos demagógicos "direitos humanos" para os criminosos e corruptos que ajudou e ajuda a fazer proliferar com essa demagogia humanitária niilista esvaziante mas "bem-intencionada" e, por isso, rentável para quem dela vive.
Quando é que a ONU passa a ser realmente humanitária e começa a defender efectivamente os chamados "direitos humanos" para quem não é criminoso e gosta de viver com dignidade?
Esta hipótese verdadeiramente humanitária não interessa à ONU, dado que é pouco lucrativa e não dá protagonismo fácil.
Nota: Sou contra qualquer que seja o terrorismo praticado seja por quem for, mas os Americanos não são exemplo para ninguém. Mataram milhares no Vietname, em Nagasaki, em Hiroxima, no Iraque, no Kosovo, na Bósnia, etc. etc. invadindo! Mas estes países nunca invadiram a América! O terrorismo é a vingança contra os invasores ocidentais.
Pergunto: Quem mais matou seres inocentes!

2011/05/13

José Sócrates, chora por falta de competência!!!

Sinto uma tristeza imensa com o que se está a passar no meu país! Temos de ser realistas e colocar o nosso cérebro a funcionar a fim de recordar o que se passou, com este Portugal plantado à beira mar! Nos governos, de dita “esquerda”, em 1979 e 1983 tivemos que gramar com o FMI. O Primeiro-ministro era o corrupto Mário Soares. Agora, com o mentiroso Primeiro-ministro, José Sócrates e seus ministros, do Partido Socialista (esquerda) por falta de competência, voltam a colocar este país e seus cidadãos (trabalhadores) na miséria e já a passarem fome!
É uma vergonha quando alguém não consegue governar a sua casa e tem de vir os de fora para salvarem a casa da miséria em que a deixaram chegar!
Na minha modesta opinião, o Engenheiro de meia tigela José Sócrates, que nunca teve competência para governar e é um craque em mentiras, usou e abusou dos dinheiros públicos, deveria ser processado e julgado em tribunal por crime de atentado às finanças do país!
Vejam bem a estratégia com que este incompetente joga. Para poder demonstrar à União Europeia que o desemprego baixou em Portugal, colocou os que estavam no desemprego, a tirarem cursos nas “Novas Oportunidades”. Mas tirarem cursos ou fazerem formação para que? Sim, para que se 80% deles têm mais de 45 anos! Existem mesmo alguns que já ultrapassaram os 55 anos! Qual é a entidade empregadora que vai dar emprego a esta gente?
“A taxa de desemprego reduziu nos anos 2010 e 2011” disse... Sinceramente! Basta de tanta mentira, veja se sai da política pois o senhor é um vendedor de ilusões.

2011/05/06

Procura-se a cunhada de Bin Laden em Codó (Brasil)

A imprensa nacional está procurando, na cidade maranhense de Codó, uma provável cunhada do terrorista e líder da Al Qaeda, Osama bin Laden, morto na noite deste domingo no Paquistão.

Onde está a cunhada de Osama bin Laden?
Um repórter da revista Época, da capital paulista, está mantendo contato com a imprensa codoense para obter informações desta cunhada de Bin Laden, que mora em Codó.
Há alguns anos surgiu a informação de que uma mulher, que morava próximo da praça do cinema, era cunhada do homem responsável pelo plano de destruir as Torres Gêmeas, em Nova Iorque, Estados Unidos, no dia 11 de setembro de 2001.
As informações sobre a cunhada de bin Laden, na cidade codoense, já começam a surgir. Uma delas é de que a mulher irmã de uma das esposas do saúdita morto pelos Estados Unidos, já se mudou de Codó.
Se alguém tiver alguma outra informação sobre o assunto, que apareça…

arlan nóbrega disse em 3 maio, 2011, 0:42



A única pessoa que conheço da familia de Bin Laden, é nada mais, nada menos que o seu irmão gêmeo Zito Laden, o mesmo que vem destruindo a cidade de Codó, com atentados terroristas, tais como: “Hospital sem medicamentos e equipamentos, escolas sem aulas e sem merenda escolar, não prestação de contas do dinheiro público, arapongagem de suas próprias falcatruas, desvios de dinheiro público, enriquecimento ílicito, maquiagem no matadouro municipal, compra de vereadores e de desembargadores, filhos fora do casamento, cagada por cima de cagada em Codó, entre outros…
tem terrorista mais perigoso? Bin Laden parece menino perto desse ai…

Charles liMA disse em 3 maio, 2011, 7:58


Meu amigo velho isso é falta de MATÉRIA? , DA UMA VOLTA PELOS BAIRROS DE CODÓ QUE VOCÊ VAI ENCONTRAR O QUE BOTAR NESSE SEU SITE!!! COMO VOCÊ MESMO DIZ… É BRINCADEIRA!!!!!

Marcelo Rocha disse em 3 maio, 2011, 9:37


Prezado internauta, o fato da imprensa esta procurando uma cunhada de Osama bin Laden na cidade de Codó não é brincadeira. É um fato e verdadeiro.
O fato é que por V.Sa. desconhecer um pouco da história de Codó e do que aconteceu em meados do final do ano de 2001 aqui. Só para informar ou refrescar a sua memória acompanhe a nota feita pelo jornalista Marco Aurélio D”eça, de São Luis. Leia com atenção:
Bin Laden e o Maranhão…


ter, 03/05/11 por Marco D’Eça categoria História tags Bin Laden, Codó, Terrorismo


Parente de Bin Laden seria casado com maranhense
O terrorista Osama Bin Laden, executado domingo, no Paquistão, por tropas dos Estados Unidos, tem – ou teve – tênues ligações com o Maranhão.
A mulher identificada por Isabel Cristina Bayma, é natural de Codó, mas mudou-se desde criança para os Estados Unidos.
Lá, conheceu o irmão de Bin Laden, Khalil Mohammed Bin Laden, quando ambos estudavam em uma universidade americana.
Na época dos atentados às Torres Gêmeas, em Nova York, Isabel foi entrevistada por uma equipe do SBT. Falando em português e inglês, ela mostrou-se pouco à vontade para falar sobre o cunhado.
A história da cunhada do terrorista também foi destaque na revista Época.
A notícia da morte de Bin Laden reacendeu as discussões sobre a relação com Codó, onde a família Bayma ainda tem remanescentes.
De acordo com o blog “É Brincadeira”, de Marcelo Rocha, a imprensa nacional voltou a sondar familiares de Isabel Bayma sobre a relação com Bin Laden.
A mãe de Isabel Cristina é a mineira Geni Castanheira Bayma, que foi casada com o músico carioca Luís Bonfá, com quem morou na Califórnia. As duas filhas do primeiro casamento de Geni – entre elas a maranhense de Codó – viveu com o casal nos Estados Unidos.
Isabel Cristina Bayma Bin Laden moraria hoje no Oriente Médio, com o marido, empresário milionário e sem ligações com o terrorista.

Charles liMA em 3 maio, 2011, 11:18


Morte de Osama Bin Laden, mas ele existiu mesmo?
Aí você imagina ter CUNHADA EM CODÓ????????
TALVEZ SEJA NO SENTIDO DE TODOS NÓS SERMOS PARENTES DE ADÃO!!! ABRAÇO AMIGO. MAS SÓ PRA LEMBRAR QUE PRA TODAS ESSAS NOTICIAS E REVISTAS CITADAS ACIMA, NÃO TEM PROVA DO QUE FOI DITO, OU TEM?? SE TEM ME MOSTRA AÍ QUE EU CONCORDAREI COM VOCÊ
Pessoas em frente a Casa Branca
A morte de Osama Bin Laden fez os Estados Unidos comemorarem, mas eu me pergunto, desde aquele 11 de setembro de 2001, se realmente esse sujeito existiu. No entanto o presidente, Barack Obama, que anunciou sua campanha quase dois anos antes do pleito, acaba de ganhar mais uma carta na manga.
Não acredito na existência desse sujeito, no grupo terrorista, sim, ele existe, mas a pessoa, nunca existiu e muito menos foi morta. A campanha de Obama para a reeleição foi anunciada muito antes, mas a morte do mais procurado terrorista pelos americanos não já se fazia parte do marketing político de Obama, por isso o anuncio da campanha muito antes? Vai saber. Semana passada os seus opositores insistiram que o presidente americano não teria nascido em seu país o que o impedia de ser presidente, mas logo foi comprovado o contrário.
Quem, em algum momento do mandato de Obama o contestou, agora vai tirar o chapéu para ele, mas tudo não passa de jogo político. Onde está o morto, mesmo que mostrassem seu cadáver, pode ser muito bem parecido com as fotos que eles sempre mostraram ao mundo, definindo o terrorista. Agora avisam que os americanos fiquem de olhos abertos para possíveis atentados, o que acontecer daqui para a frente durante muito tempo a culpa será jogada na al-Qaeda, assim tudo fica mais fácil.
O mundo hoje é uma farsa, a política atual é dos interesses, o pensamento é individualista, as pessoas são facilmente iludidas, mas a vida segue, no ritmo do fingem que é verdade, que eu finjo que acredito. Afinal, não é de agora que o mundo é desse jeito FONTE : BLOG TOMIS FARIAS.

Maira em 3 maio, 2011, 13:36


Então pelo que entendi, nada tem a ver, Bin Laden com Maranhão. E só reforça a ideia de “falta de matéria”.
Se a prorpia reportagem que vocês apresentaram deixa claro que ele -Bin Laden- não tinha relação com a família.

jose ideval de morais em 3 maio, 2011, 14:52


ola eu desconfio desta foto apresentada pelo possivel matador de bin laden, pois os detalhes na barba são idênticos a da foto ao lado e esta recortada do lado esquerdo. as sobrancelhas são mais grossas em fim essa foto é uma montagem muito da mal feita.

Alex Banda Infecto Letal (Amapá) em 3 maio, 2011, 15:05


Até agora eu não estou acreditando que os Estados Unidos tenham matado realmente Osama Bin Laden… Acredito que tudo foi forjado para intimidarem seus inimigos atuais… E digo mais… A minha teoria é que eles tenham cortado o acesso a telefones e internet do Paquistão, isolando assim, não somente os terroristas, mas também toda a população. Tenho que investigar se essa minha teoria procede… hauhuahuahuahua

Joanilson Motta em 3 maio, 2011, 15:07


ISSO É CONVERSA PRA BOI DORMIR, IGUALMENTE A FOTO MONTADA PELOS AMERICANOS PRA CONVENCER O MUNDO QUE MATOU O TERRORISTA. TALVEZ ELE JÁTENHA MORRIDO MUITO ANTES QUE TODOS IMAGINAM, E AGORA DIVULGAM PRA IMPRESSIONAR A OPINIÃO PÚBLICA PRA REELEGER O BARAK OBAMA. COM RELAÇÃO A CUNHADA DELE, ESTA DEVE ESTÁ DISFARÇADA DE VEREADORA CODOENSE OU DEPUTADA, PRONTA PRA CAUSAR TERROR, MAIS QUE ALGUNS DAQUELA CASA, JÁ CAUSAM, E TAMBÉM AQUI NA ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA EM SÃO LUÍS. É PIADA OK!

Hugo em 3 maio, 2011, 17:44


Mais alguém percebe uma IMENSA semelhança nessas duas fotos comparativas?
Reparem na posição da cabeça, da barba, boca, e feição da maçã do rosto.

Fonte: http://www.portalfc.com.br/destaque/procura-se-a-cunhada-de-bin-laden-em-codo/

2011/05/02

A morte de Bin Laden! Sou muito céptico, "Sem ver não crer"



Ayman al-Zawahiri é o homem que se segue na Al-Qaeda
"Cérebro" e o porta-voz da Al-Qaeda, o egípcio Ayman al-Zawahiri passa a ser líder do grupo terrorista.

Merkel elogia "vitória das forças de paz"
"Esta noite, as forças de paz registaram uma vitória. Mas o terrorismo internacional ainda não foi vencido", disse chanceler alemã.

Primeiro milagre de João Paulo II é a morte de Bin Laden
Para o Presidente do Peru, o primeiro milagre do Papa João Paulo II foi a morte do líder da Al-Qaeda.

Cerimónia fúnebre decorreu num porta-aviões norte-americano
Antes de ser lançado ao mar, o corpo de Bin Laden foi lavado e embrulhado depois num pano branco, numa cerimónia que respeitou as tradições muçulmanas.

Ban Ki-moon: "Foi feita justiça"
Com a eliminação do líder da Al-Qaeda "foi feita justiça", diz o secretário-geral das Nações Unidas.

Hillary Clinton apela a talibãs para abandonarem Al-Qaeda
"Não podem esperar pela nossa saída, não podem derrotar-nos, mas podem escolher abandonar a Al-Qaeda", apelou Hillary Clinton aos talibãs.

"Morte à América", grita-se no Paquistão
Cerca de mil manifestantes gritavam hoje "morte à América" numa manifestação no Paquistão.

EUA vivem "um grande dia", diz Obama
"Este é um grande dia para a América", declarou Obama após a morte do líder da rede terrorista Al-Qaeda.

Análise de ADN confirma morte de Bin Laden
O ADN de uma das pessoas mortas no tiroteio de domingo corresponde ao do líder da Al-Qaeda, garante um alto responsável norte-americano.

Morte de Bin Laden nos blogues
Bin Laden é hoje manchete em toda a imprensa. Na blogoesfera, os festejos americanos e a postura de Barack Obama são os tópicos mais comentados.

Operação de captura de Bin Laden levou 40 minutos
Ao fim de quase 10 anos de procura, foi a perseguição a um mensageiro de Bin Laden que levou os EUA ao líder da Al-Qaeda. Comando americano levou 40 minutos a capturar e matar o inimigo público n.º 1, que não se rendeu

Imagem de Bin Laden morto feita no Photoshop?
A imagem que correu meio mundo como sendo o cadáver de Osama Bin Laden terá sido, afinal, forjada no Photoshop.

Bin Laden: "A América é a principal culpada"
Derrubar o regime saudita e expulsar os americanos tem sido o principal objectivo de Bin Laden, confessado nas raras entrevistas concedidas.

Reacções à morte de Bin Laden: Ocidente rendido aos americanos
"Boa notícia", "grande alívio", "derrota histórica", "grande vitória", são algumas das expressões usadas pelos líderes europeus para saudar a morte do líder da Al-Qaeda.

NATO: operações no Afeganistão devem continuar
"É um grande sucesso para a segurança dos aliados da NATO e de todos os países que se juntaram a nós para combater o terrorismo mundial" afirmou hoje o secretário-geral da NATO.

Os negócios do terror
Primeiro balanço sobre o ataque terrorista aos EUA revela a complexa "teia financeira" de Bin Laden.

Americanos festejam morte de Bin Laden
Anúncio da morte do líder da Al-Qaeda fez muitos países respirarem de alívio. Os americanos saíram às ruas para celebrar logo após o anúncio feito pelo Presidente Barack Obama

Corpo de Bin Laden foi lançado ao mar
Na eventualidade de não encontrar país disposto a aceitar o corpo do terrorista, os Estados Unidos decidiram lançar Bin Laden ao mar.



Principais atentados da Al-Qaeda
Foi no 11 de Setembro que o mundo se apercebeu do poder da Al-Qaeda. No entanto, a rede terrorista liderada por Bin Laden é responsável por mais actos terroristas.


Recorde os principais atentados
A vida do inimigo-mor do Ocidente ainda é, em grande parte, um mistério. Retrato possível de Bin Laden, baseado em dados das polícias e de familiares.

Terrorismo: a luta continua, diz a Interpol
Secretário-geral da Interpol garante que a morte de Bin Laden não representa o fim da Al-Qaeda e que vão continuar com os ataques terroristas pelo mundo.

Cinco mortos durante ataque contra Bin Laden
Um filho do líder da Al-Qaeda, três homens, provavelmente mensageiros de Osama, e uma mulher morreram durante o ataque que durou 40 minutos.

Barack Obama: "Bin Laden está morto"
Presidente americano anunciou de madrugada a morte do líder da Al-Qaeda. Bin Laden vivia numa mansão nos subúrbios de Islamabad, aparentemente rodeado de oficiais do exército paquistanês.

“isto é o que se poderia ler no Jornal Expresso”.
Fico na minha duvida quanto à morte deste terrorista tanto procurado pela Ameriaca! Depois de 10 anos de operação lançada para a caça do mesmo, desistiram mas não quizeram dar parte fraca. Porque o fizera desaparecer num instante? Porque não o capturaram em vez de o matarem, pois estas forças tinham todo o poder de o poder capturar? Sou como Tomé “sem ver não querer”.
Por outro lado, e se quer que tenha sido verdade matarem-no, não acredito que o terrorismo acabou, como tal, não entendi aquela festança por alguns, até porque a Al-Qaeda não foi criada por ele. A Al-Qaeda é um grupo terrorista que foi criado por vários fundamentalistas do islão e que surgiu no seio dos países árabes. O intuito da Al-Qaeda é darem cabo dos americanos que lhes têm invadido o território e aos quais os Árabes odeiam.

2011/04/28

Sem o dinheiro dos outros o Socialismo é falido!




Dá que pensar
por mais que me custe entender!


Sabem quantos países com governo socialista restam agora em toda a União Europeia?





Depois das recentes eleições na Hungría e no Reino Unido

só ficaram 3 países:

Grécia, Portugal e Espanha
que coincidência!

Como disse Margaret Thatcher

"o socialismo dura até se acabar o dinheiro dos outros".

2011/04/27

Em resposta a um artigo no blogue de uma amiga

Olá Amiga São!


Falando no seu texto tenho quero lhe dizer o seguinte: Vivi 22 anos da minha vida no governo de Salazar. Ele governava, estes desgovernam. Nunca passei fome, porque só os malandros, parasitas passam fome. Mas, hoje já sinto falta de dinheiro para a minha sobrevivência. Naquele tempo eu tinha liberdade, hoje onde está a liberdade? Nem eu nem ninguém pode andar descansado nas noites da boémia em Lisboa, Porto, Coimbra e por todo o lado! O meu pai foi levado pela polícia (PIDE) por ser acusado de ter uma arma em casa, no entanto nunca foi preso, por não haver prova. Salazar governou a nação e onde é que ele deixou a fortuna que ganhou como governante? Foi aos seus filhos? E estes políticos de hoje, surgidos por sufrágio, comem tudo com grandes ordenados, reformas estrondosas e corrupção activa e viciada! Hoje temos uma nação a sobreviver com as esmolas de outros países porque aqueles a quem Salazar perseguia (insurrectos e esquerdistas) queriam se apoderarem do poder para poderem comer tudo e deixarem só os ossos! Aquela música de Zeca Afonso - Eles comem tudo e não deixam nada, fica muito bem para s nossos governantes de hoje.
Eu, com toda a sinceridade, comemoro o 24 de Abril e nunca o 25 de Abril! Pois isso só serviu para alimentar os cofres dos corruptos e tirar a minha liberdade. A única coisa que se adquiriu com a liberdade e o poder-mos ter liberdade de expressão, mas eu pergunto: para que é que isso me tem servido?! Já vi tanta manifestação, tantos protestos, tantas greves e os governantes estão-se nas tintas com o descontentamento do povo! Já se esqueceu do que Portugal produzia e exportava! E hoje? Não produz só importa! É lamentável ao estado em que chegou este país! Num apanhado feito por um canal televisivo, entre os 100 melhores portugueses o eleito nº 1 foi Salazar, viu não? Todos os governantes na monarquia governaram com formas desumanas, basta ver os monumentos construídos nesse tempo, foram feitos com mão de obra de escravos que trabalharam no duro por um prato de sopa. Mas, esses governantes, monarcas, tiveram o direito a que ruas, praças e pontes tivessem o seu nome até hoje. Porque Salazar não teve esse direito se todos os outros antepassados foram piores e tem seus nomes lapidados nas ruas e avenidas, praças e pontes? Salazar faz parte de nossa história, e foi um bom governante com amor á Pátria e ao se povo. Castigou muitos? Hoje precisávamos que toda a escumalha que por aí anda focem muito mais castigados mas severamente! Claro que ele não admitiu cá andarem a excitar o povo! Foi pena ele não ter fuzilado o Mário Soares, Álvaro Cunhal, Almeida Santos, Otelo Saraiva de Carvalho, Manuel Alegre, Rosa Coutinho, Melo Antunes e Vasco Lourenço! Esses sim são os culpados de termos o país a atravessar uma fase crítica.

2011/04/14

A Frase mais certeira que conheci em toda minha vida

Margaret Thatcher
Margaret Hilda Thatcher, Baronesa Thatcher, nasceu em 13 de outubro de 1925) é uma política britânica (Reino Unido), primeira-ministra de 1979 a 1990. A frase mais importante que alguma vez ouvi, da boca de alguém, foi dela: “O Socialismo só existe enquanto houver o dinheiro dos outros”. Sem dúvida! Para mim, depois de ver o que tem acontecido no meu país, sempre que o Socialismo está no poder, concordo com esta frase. Governam, sempre, com a má orientação do capital de outros países a quem recorrem, em demasia, ao crédito. Depois de já se encontrarem bem endividados, ainda têm, o descaramento, de projectarem coisas desnecessárias e entregar logo a empreiteiros, como é o caso dos projectos “novo Aeroporto, (primeiro na Ota, onde se gastou rodos de dinheiro até ser reprovado pelos ambientalistas e passar para Alcochete) e o TGV (Comboio de alta velocidade) ”. Projectos estes, actualmente cancelados e que será para esquecer. Pois, são coisas desnecessárias e que só iriam servir a classe rica. Como comboio de alta velocidade, segundo os emigrantes franceses, o nosso “Alfa Pendicular” é superior a muitos TGV’s em França. Neste momento a Empresa Mota/Engil, já se encontra com um processo, na barra dos tribunais, contra o Estado pelo facto dos milhões que, esta empresa, já gastou com os engenheiros na elaboração do projecto. Pois é! Socialismo também é comunismo! Foi esta esquerda que levou este país ao estado lamentável em que se encontra! Mas para se descartarem, vem agora, o engenheiro de meia tigela, José Sócrates, dizer que a culpa foi da oposição! Ó valha-me Deus! Quero o meu país governado por uma social-democracia, de forma que “só faz pão se houver farinha”.

2011/03/30

Dívida de Portugal está a um nível do «lixo»

Dilma e sua "muleta"
Dilma Rousseff, presidente do estado Brasileiro, juntamente com o seu conselheiro “muleta” Lula da Silva, veio a Portugal enxugar as lágrimas de seu querido amigo da “Esquerda” José Sócrates, Primeiro-ministro português demissionária. Este nosso primeiro-ministro, que esteve no poder durante 6 anos, colocou o país no caos. Foram os milhões que esbanjaram no projecto da “Óta”, a compra de 700 carros, topo de gama para transporte da comitiva governamental e outros. Foi a criação de empresas subempreitaras da “Refer” e outras etc. Agora, este mentiroso, acusa a oposição de serem os culpados da situação em que se encontra o país. Valha-lhe Deus, é muito mesmo de uma "geração rasca" não aceitar assumir a sua incompetência. Assim, a Standard & Poor’s cortou novamente ontem (29-03-2011) o «rating» de Portugal em um nível, tanto na dívida de longo prazo como no curto prazo. Este novo corte deixou, assim, a nota de Portugal a um nível de ser considerada «lixo» («junk»). O corte aplicado à avaliação de Portugal, de BBB/A-2 para BBB-/A-3, surge menos de uma semana após um corte em dois níveis do «rating» da dívida nacional, que retirou Portugal da escala A (que tem sete níveis) para colocar o «rating» em BBB, a dois níveis de sair da chamada escala de investimento, ou de começar a ser considera «junk». Foi o primeiro-ministro português mais mentiroso que vi desde o 25 de Abril: se um dia dizia uma coisa, no dia a seguir dizia outra. Foi o maior despesista e o maior apoiante de existência de corrupção levando o país á miséria, precisando assim de receber o FMI. Dilma e Lula disseram que estavam prontos a poder ajudar Portugal. Mas não compreendo, como é que um país pode ajudar outro quando no seu próprio país tanta gente vive na miséria. O Lula disse ainda que, a entrada do FMI não será bom para país algum, pois no Brasil foi muito mau e que o FMI nada fez pelo Brasil. Lula é outro tal como o nosso primeiro-ministro, mentiroso. Pois só quem o não viu, na cimeira de Copenhaga, onde chorando se dirigia ao Ban Ki-moon Secretário-Geral das Nações Unidas , dizendo: “Meu grande amigo Ban Ki-moon, nunca esquecerei o que fez pelo meu país! Tenho grande estima e consideração por si!”. Depois de o Brasil ter passado por uma banca rota e sofrer grande medidas de osteridade, com a ajuda do FMI para saír do caos em que havia caído, vem agora dizer que o FMI não resolve nada pelas nações tal como não resolveu nada no Brasil. Agora ele fala assim porque é sempre assim! Quando alguém mata a fome a alguém, depois de não ser mais necessário de o continuar a fazer, dizem mal desse alguém. Os esquerdistas são assim mesmo. Para além de mentirosos, são arrogantes e não reconhecem quem lhes faz bem. Dão apoio financeiro a quem não quer trabalhar e aos que, honestamente, trabalham para a grandeza da nação são castigados com impostos em demasia.







GUIOMAR disse...

Como uma grande Brasileira que sou. vai aqui o meu protesto...tudo o que Lula fez durante seu mandado foi viajar, conhecer outros país, usufruir do dinheiro do povo. Agora esta ai si preocupando com Portugal. Muitos irmãos nossos brasileiros si desesperaram no Japão pedindo retorno para o Brasil e não foi enviado nenhuma frota para busca-los, isso é humilhante!
30 de Março de 2011 10:37

Leonel disse...


Uma ironia que Coimbra, um dos pilares da cultura portuguesa, tenha recebido e concedido honrarias a um dos chefes de governo mais iletrados e mal-educados que o Brasil já teve!
Vejo que finalmente, Portugal se livrou de mais um entulho "socialista", que o colocou numa posição não condizente com uma nação europeia, outrora tão poderosa.
As dívidas do Brasil com o FMI foram saldadas no governo de Fernando Henrique Cardoso, sob protestos do PT de Lula, que exigia em passeatas: "CALOTE JÁ!", "FORA FMI", "FORA FHC".
Felizmente FHC não atendeu a estes absurdos apelos, e depois Lula assumiu o poder e se gabou de ter "saldado a dívida com o FMI".
Na verdade, ele já encontrou o país quase arrumado e só fez de bom não estragar a economia, apesar de ter aumentado e muito a dívida interna!
Como você falou, interessante a disposição que Lula demonstra em auxiliar outros países, sem se preocupar com os imensos problemas internos do Brasil!
Bem colocado, José!
Abraços!
30 de Março de 2011 19:23

José Sousa disse...


Através deste meu tema, descobri que não é só em Portugal que os que trabalham para o governo, na Função Pública são, quase todos, de esquerda! Mas, nem todos! Pois os que ainda tem filhos a estudar, não são tão apegados à esquerda. Pois sabem bem que a esquerda levou muitos empresários a fecharem suas empresas, então onde irão empregar os seus, cerca de 47.209 estudantes? Os estudantes, por sua vez, vivem estudando e desesperando com a incerteza. E os cerca de 588.000 desempregados!
Respondendo à amiga Maria José Spegliche: Quero lhe dizer que desconhecia esse facto de Dilma ter estado doente e usado peruca! Só tive conhecimento dessa mulher, agora quando acompanhei, por TV, a Campanha Eleitoral, pela minha saúde! Quanto ao ter sido agressivo, acho que não, basta ver o que escreveu a amiga Guiomar e o amigo Leonel! Eles são Brasileiros! Só que a diferença é serem realistas e não viverem na Utopia dos vendedores de ilusões!
Em resposta ao amigo R. B. Côvo: Não existe esquerda ou direita! Isso é uma palavra que surgiu, não sei de onde, para definir os que governam mais ou menos virados para causas sociais! Pois, aqueles que se dizem de “Esquerda”, é que mais tem castigado o povo e não conseguem controlar a governação de uma Nação! Sempre foi assim em todo o mundo e não fogem ao mesmo em Portugal! Lamento o vosso raciocínio, pois não sou político, mas sou realista!

2011/03/15

Socialismo e Comunismo na forja da utopia


Desde criança, eu sempre me interessei pelas notícias mundiais e pela política internacional. E desde essa época, percebi o equívoco do socialismo e comunismo.
Ao contrário dos meus colegas de compartilha de ideias, onde quase todos os que falavam de política eram esquerdistas, eu nunca consegui acreditar na suposta “justiça social” prometida pelos regimes socialistas. Depois da oficialização da “cortina de ferro”, com o muro de Berlim, ficou tudo muito claro: um regime que precisa de um muro para impedir que as pessoas abandonem o país não pode ser boa coisa!
Aos meus olhos de menino, me fascinava o padrão de vida dos americanos, um país cujo problema era conter a enorme onda de imigrantes que queriam ir para lá.
Assim, ficava muito óbvio onde realmente havia esperança e oportunidades!
O século XX serviu para sepultar, pelo menos aos olhos de quem enxerga, as mentiras do comunismo: a sua justiça social não passava de um nivelamento por baixo, onde o cidadão comum tinha que lidar com a carência de produtos e racionamento de alimentos básicos, enquanto uma cúpula privilegiada gozava das mordomias do poder! Reforma agrária foi outra idiotice que nunca deu certo em país algum, e vejam o que veio acontecer com o Alentejo que era o celeiro de Portugal!
Mas, nos anos 60 e 70, essas coisas, que pareciam claras para mim, não o eram para muitas pessoas, que insistiam em apoiar essa utopia inconsistente!
Tenho 57 anos de vida e pelo menos, nos meus últimos 45 anos, recordo-me de quase tudo o que se passou no mundo, principalmente no que diz respeito a políticas.
Os países do leste da Europa, ao serem unificados pelo pacto de Varsóvia, surge, o já Desmoronado URSS (União das Repúblicas Socialistas Soviéticas) com uma política Socialista.
Cuba e China, com uma politica Comunista, onde o cidadão comum, tal como na URSS, teriam e têm de viver com carência de produtos e não podem ter ambições.
Para uma boa cidadania, a quem tiver gosto pela política, sugeria-lhes que peguem numa enciclopédia, hoje em dia é fácil na Net, e procurem ler o que, o “Socialismo” e “Comunismo” nos poderão oferecer. Estas políticas, na governação de um país, são um descalabro. As empresas privadas não poderão sobreviver devido aos impostos e leis laborais que lhes são impostos pelo estado, com um regime esquerdista, fazendo assim que se acabe com ambições e as empresas acabarão por cair na mão do próprio estado. Por sua vez, o estado enquanto dono das empresas, colocará todos a viverem da mesma forma, onde todos são um fragmento que a máquina do estado controla e oprime, vivendo assim em extrema miséria. Enquanto, os que compõem o aparelho do estado, vive sem que nada lhes falte e serão eles os donos de tudo. É assim que funcionam as chamadas “Politicas de Esquerda”!
Uma vez que não posso viver na selva e ser “Selvagem”, prefiro ser e viver num país onde seja possível pôr-se em prática as nossas ambições. Num país governado por uma social-democracia, com direitos sociais para todos e que dê apoio á entidade patronal para que se possa gerar emprego e assim possamos todos, de livre vontade, escolher o que desejamos ter e ser, pois só com empregabilidade é possível viver sonhando e realizando o sonho. Pois “O sonho comanda a vida e enquanto o homem sonha o mundo pula e avança”.

2011/03/02

Os ventos sopram com a furia dos "deuses".


Sudão, Egipto, Líbia, Argélia, Tunísia, Marrocos, Sara Ocidental, Mauritânia, Eritreia, Etiópia, Turquia, Síria, Iraque, Jordânia, Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos, Omã, Iémen.

O médio oriente e norte de África acordaram perante os governos que ditadores que já á décadas os governam com formas desumanas.
Foram apenas 22 segundos de Khadafi na televisão líbia. Debruçado da janela de uma carrinha e empunhando um chapéu-de-chuva, o coronel que governa autoritariamente a Líbia há 42 anos quis deixar claro que não fugiu do país, onde enfrenta uma revolta popular. “Quero que vejam que estou em Trípoli e não na Venezuela. Não acreditem no que vos dizem os canais de televisão dos cães vadios”, afirmou.
É a maioria chiita que domina a arábia saudita, assim como no irão. A própria arábia saudita tem um governo de autocracia, onde os governos não passam de pais para filhos mas de pessoas que estão no governo para os seus amigos ou familiares. Toda a região petrolífera do médio oriente não tem governos democráticos. Eles governam com ditaduras, assim como o norte de África, o Sudão, Argélia, Líbia, Egipto, governam o seu povo com repressão e a comunidade internacional sempre a lamber-lhe as botas. Os EUA só foram depor o regime de Sadam Usain porque ele tinha retirado o apoio a que a América por lá continuasse chupando o petróleo. Como os outros ainda admitem, que lá continuem, são amigos. O Sócrates recebeu aquele “terrorista” Khadafi, em Lisboa aquando da Cimeira, fiquei revoltado com essa atitude. Dizem que têm boas relações com esses governos porque temos lá interesses empresariais na exploração do petróleo.
As forças de segurança da Líbia atacaram os manifestantes que pedia o fim do regime de Muammar Khadafi na capital Trípoli. A estação de televisão Al Jazira adiantou que os protestos estavam a serem reprimidos com ataques de aviões militares.
O secretário-geral das Nações Unidas chegou a falar ao telefone com o líder líbio, Muammar Khadafi, o qual instou “veementemente a parar com a violência contra os manifestantes” que já há uns dias contestam o seu regime autoritário de mais de quatro décadas.
“Tenho visto imagens muito perturbadoras, chocantes, em que as autoridades líbias disparam contra manifestantes a partir de aviões e helicópteros, mas ninguém sabe na realidade o que se passa lá dentro visto que a comunicação social não tem acesso. Isto é inaceitável. Isto tem que parar imediatamente”, exigiu Ban Ki-Moon, em declarações feitas em conferência de imprensa em Los Angeles.

Alinhando no mesmo tom, a alta-comissária das Nações Unidas para os Direitos Humanos, Navi Pillay, apelou à condução de uma investigação internacional aos ataques "sistemáticos e generalizados (das autoridades líbias) contra a população civil", avaliando que os mesmos configuram "crimes contra a humanidade". Pillay ilustrou esta argumentação com os relatos de que os manifestantes anti-regime estão a ser atacados pelas forças de segurança com metralhadoras, atiradores furtivos e aviões militares.

A condenação das acções violentas das forças de segurança líbias na repressão dos protestos em várias cidades do país que poderão ter causado já próximo de 1000 mortos só nos primeiros dez dias.
Pena que estes povos nunca terão democracia. Esperem que verão! O ditador do Egipto já largou o poder mas a ditadura vai continuar na mão do exército. Mesmo que haja eleições, quem vai ganhar serão os ditadores, porque, tanto o Egipto como a Tunísia, Argélia, Marrocos, Líbia, todo o norte de África até ao Irão, as nações da Liga Árabe, são fundamentalistas! Vivem o Islão com frenesim! Tal como dizia um Taxista: “Deixei de ouvir, na rádio, o dia inteiro o Corão para passar a ouvir o povo na praça de Tarir a festejar”. É pena que esse povo, onde nasceu a civilização, viva de fundamentalismo e nuca conhecerão o que é ser-se dono de si próprio! Lamento!



2011/02/23

Ministério público quer abertura de processo contra Lula da Silva

Ex-presidente brasileiro acusado de utilizar fundos públicos de forma irregular

O Ministério Público de Brasília exigiu a abertura de um processo contra o antigo Presidente brasileiro, Luiz Inácio Lula da Silva, por utilizar de uma forma irregular fundos públicos e solicitou o congelamento dos bens, adiantaram fontes judiciais.
No mandato oficial, o ministério acusa o ex-chefe de Estado, que esteve no poder entre 2003 e 2010, e o seu antigo ministro da Providência Social, Almir Luando, de ter utilizado fundos públicos para financiar uma campanha de promoção política entre Outubro e Dezembro de 2004.
A acusação diz que os dois homens enviaram dez milhões de cartas assinadas onde explicam a aposentados como obter empréstimos a taxas reduzidas.

Para os magistrados, a acção não era uma questão de interesse público, mas de promoção política que deveria ser financiada com fundos privados.

Além disso, os procuradores sublinham que os empréstimos foram concedidos por um banco privado, acusado de envolvimento num escândalo sobre o pagamento de subornos aos dirigentes da coligação que estavam no poder, que abalou o governo Lula em 2005 e 2006.

Por isso, a procuradoria exige a Lula e a Lando a restituição do dinheiro que foi gasto no envio dos dez milhões de cartas. E exige que a justiça congele os bens dos dois homens, para garantir a restituição dos fundos, se estes forem considerados culpados.
Fonte: Jornal O Publico
......................................................
O Brasil não tem uma democracia pura, como podem ver neste video, a mulher ainda não tem aceitação na participação de toda a vida politica.



Entrevista com Marcela Moreira, cientista social, vereadora mais jovem, eleita no município de Campinas, em 2004, coordenadora do Instituto Voz Ativa.

http://queriaserselvagem.blogspot.com/2010/01/brasil-e-venesoela-caminho-do.html

2011/02/15

Anedota em que se transformou o nosso País:



-Uma adolescente de 16 anos pode fazer livremente um aborto mas não pode pôr
um piercing.

- Um jovem de 18 anos recebe 200 € do Estado para não trabalhar; um idoso
recebe de reforma 236 € depois de toda uma vida do trabalho.

-Um marido oferece um anel à sua mulher e tem de declarar a doação ao fisco.

-O mesmo fisco penhora indevidamente o salário de um trabalhador e demora 3
anos a corrigir o erro.

-Nas zonas mais problemáticas, das áreas urbanas, existe 1 polícia para cada 2000 habitantes; o Governo diz que não precisa de mais polícias.

-Um professor é sovado por um aluno e o Governo diz que a culpa é das causas sociais.

- O café da esquina fechou porque não tinha WC para homens, mulheres e empregados. No Fórum Montijo o WC da Pizza Hut fica a 100mts e não tem local para lavar mãos.

- O governo incentiva as pessoas a procurarem energias alternativas ao petróleo e depois multa quem coloca óleo vegetal nos carros porque não paga ISP (Imposto sobre produtos petrolíferos).

- Nas prisões é distribuído gratuitamente seringas por causa do HIV, mas é proibido consumir droga nas prisões!

- No exame final de 12º ano és apanhado a copiar chumbas o ano, o primeiro-ministro fez o exame de inglês técnico em casa e mandou por faxe e é engenheiro.

- Um jovem de 14 mata um adulto, não tem idade para ir a tribunal. Um jovem de 15 leva um chapada do pai, por ter roubado dinheiro para droga, é violência doméstica!

- Uma família a quem a casa ruiu e não tem dinheiro para comprar outra, o estado não tem dinheiro para fazer uma nova, tem de viver conforme podem. 6 presos que mataram e violaram idosos vivem numa sela de 4 e sem wc privado, não estão a viver condignamente e associação de direitos humanos faz queixa ao tribunal europeu.

- Militares que combateram em África a mando do governo da época na defesa de território nacional não lhes é reconhecido nenhuma causa nem direito de guerra, mas o primeiro-ministro elogia as tropas que estão em defesa da pátria no KOSOVO, AFEGANISTÃO E IRAQUE.

- Começas a descontar em Janeiro o IRS e só vais receber o excesso em Agosto do ano que vem, não pagas as finanças a tempo e horas passado um dia já estas a pagar juros.

- Fechas a janela da tua varanda e estas a fazer uma obra ilegal, constrói-se um bairro de lata e ninguém vê.

- Se o teu filho não tem cabeça para a escola e com 14 anos o pões a trabalhar contigo num ofício respeitável, é exploração do trabalho infantil, se és artista e o teu filho com 7 anos participa em gravações de telenovelas 8 horas por dia ou mais, a criança tem muito talento, sai ao pai ou à mãe!

-Numa farmácia pagas 0.50€ por uma seringa que se usa para dar um medicamento a uma criança. Se fosse drogado, não pagava nada!


Obrigado Portugal. Estamos orgulhosos.

2011/02/12

Egipto, fim de uma ditadura que durara mais de 30 anos



As ruas do Cairo estão em festa. O povo do Egipto reage assim ao anúncio do afastamento de Hosni Mubarak da presidência do país. Parabéns povo Egípcio! Fizeram uma revolução com grande classe. Mostraram ao mundo que são unidos. Os militares, que são filhos desse povo que vivia numa ditadura há trinta anos, mostraram que são humildes e que quem manda é o povo. Mostraram, que também eles, estavam fartos de viverem explorados por um ditador.
Nunca me lembra de uma revolução assim. Uma revolução onde o povo nunca arredou pé e se juntaram com o mesmo objectivo. Eu mesmo senti uma grande emoção! Estou feliz pelo povo egípcio. O povo é quem mais ordena! Parabénsssss... Mas, tal como dizia um comentador meu "Os radicais islamicos estão de olho, e com eles não haverá democracia! Já vi um filme parecido no Irão depois da queda do Xá!". Esperamos que no Egipto as coisas sejam diferentes! Vamos acreditar que sim, que vai haver democracia, mas defacto é que os países islamicos são fundamentalistas.

José Sousa




2011/02/06

Eles comem tudo... não nos deixam nada!


Um dia escrevi, num jornal distrital, que um cantor chamado Zeca Afonso fizera uma música revolucionária, pouco antes da revolução de Abril de 1974, dedicada aos patrões e ao sistema. Nesse artigo que escrevi dizia que essa música ficaria muito bem atribuída, hoje em dia, aos políticos. Pois estes sim… “comem tudo e não nos deixam nada”! Escutem bem estes vídeos e click em “pause” para lerem com atenção. É revoltante o sistema feita pelos políticos no meu país!

Sócrates no País das Maravilhas



2011/01/29

O caso de Carlos Castro e Renato Seabra

O caso de Carlos Castro e Renato Seabra é fácil de entender para um bom entendedor. Todos viram e sabem, porque Carlos Castro o dissera uns meses a trás, que estava completamente apaixonado, só que ninguém sabia quem era esse novo amor, pelos visto era o Seabra. Renato Seabra, que ninguém sabia da sua existência na vida de Castro, ninguém poderia desconfiar que o “modelo”, pouco ou nada badalado pela comunicação social, tivesse sido iludido, pelo Castro, com promessas de trabalho onde poderia, em pouco tempo, enriquecer. O rapaz, na idade das ilusões, acabara por ser iludido pelo predador e tarado sexual “Castro”. A relação de Carlos Castro com Renato Seabra era recente, teria cerca de três meses, o jornalista "estava completamente apaixonado". O jovem modelo ficava na casa de Carlos Castro quando estava em Lisboa. "Era ele que lhe pagava tudo, dava-lhe grandes presentes, levava-o nas viagens". Claro que Seabra procurava obter coisas e momentos de lazer á custa de alguém porque inspirações, naquelas idades, são imensas. E, penso eu, não se deve ter sentido muito á vontade nos lugares que Carlos Castro frequentava e, pelo que se consta, eram lugares de encontros e convívios da comunidade Gay. Também, segundo uma amiga de Calos Castro, ele já havia confidenciado que iria ser morto, e porque? Quem sabe já tivesse sido ameaçado pela comunidade Gay nos lugares que frequentava, provavelmente, talvez, por sediar os companheiros de outros Gay’s, e quem sabe, até, se sentisse complexado e marginalizado pelos "heterossexuais". Não tenho nada contra os Gay’s! O corpo é de cada um, os sentimentos também, cada um usa-os como mais lhes convier.
Na minha modesta opinião, Carlos Castro, era um tarado sexual e que quando perdia o seu parceiro logo teria que arranjar outro, e por sinal atirava-se aos rapazes novos. Porque não arranjava um parceiro da idade dele! Será que isto não é ser pedófilo? Que era “Homossexual” já todos o sabíamos pois já á anos que o havia revelado em publico e como tal vivia com homens. Acredito que Renato Seabra tivesse sido levado por Carlos Castro mas com a finalidade que não a de Seabra. Depois, de Seabra se ter visto na armadilha em que tinha caído, tentou, penso eu, sair e regressar ao seu país mas, apesar de não ter como o fazer, também Carlos o impedia que regressa-se. Farto e frustrado Renato Seabra, para recusar as práticas sexuais que lhe eram impostas pelo “tarado” Carlos Castro, que pelo que se consta, era obcecado por sexo, não viu outra forma de se livrar se não mata-lo. E não duvido que no momento antes de o acto ser consumado, que Seabra não se tenha visto perdido para impedir que tais práticas sexuais, exigidas pelo “tarado”, focem consumadas. Acredito que Seabra tenha procedido, daquela forma, para se libertar tal como eu o poderia fazer num caso desses. Carlos Castro colheu o que semeou. Azar de Renato Seabra, foi ter feito esse assassinato onde as leis são mais duras do que em Portugal, (informo que em Portugal a penalização máxima é de 24 anos, mas neste caso era capaz de cumprir apenas metade, o que para mim está mal, pois quem mata deveria ter prisão perpetua). Não sou apologista que se mate alguém seja pelo que for, mas numa hora de desespero tudo é possível acontecer.
Os homens enlouqueceram e desta forma continuo-o a sentir que "queriserselvagem".

2011/01/23

As pedras que atiraram


Nunca pensei na minha vida ver tanta arrogância saindo de pessoas, que julgo, terem alguns estudos. Desde que existem eleições livres neste Portugal democrático, nunca vi tanta falta de civismo e de transparência como vi nesta campanha eleitoral por parte dos concorrentes á presidência da república. Fernando Nobre, pessoa de quem já havia escrito um artigo em um jornal, onde o elogiava devido ao seu trabalho á frente, como presidente da AMI (Assistência Medica Internacional), pois via nele um homem que foi sempre isento da política mas trabalhava para as vítimas da política. Agora desiludiu-me ao concorrer a este cargo, quando eu, que sou um analfabeto, já sabia que ele nunca teria hipótese de ganhar. Nos últimos dias de campanha, dirigindo-se ao Manuel Alegre, dizia-lhe para ele se colocar do seu lado na segunda volta. Sinceramente, dá para rir!
O nazi da Ilha da Madeira se não tivesse concorrido, esta campanha não teria tanta graça. Tenho a certeza que muitos se riram á custa dele. Se fosse dono de um circo convidava-o para palhaço.
O do partido comunista… sabem que nunca terão a hipótese de ganhar eleições, sejam elas quais forem, mas o fanatismo do qual estão possuídos, leva-os á loucura de se colocarem na rua a falarem mal do ainda presidente, não os vi dizerem mais nada, nem falarem do seu programa eleitoral.
Bem… mas, a mal dizerem de Aníbal Cavaco Silva, foi o que se viu nesta campanha. Não vi um só a falarem do seu programa para presidirem á nação! Arrogante mesmo e com falta de transparência, como o Manuel Alegre, nunca tinha visto! Ele passou a campanha toda a atirar com pedras a Cavaco Silva! Falou das suas finanças que estavam numas acções no BPN! Mas alguém tem alguma coisa a ver com a vida privada de cada um? Falou que foi na altura em que Cavaco, durante 10 anos como ministro, enterrou este país. Isto é um absurdo! Eu não sofro de Alzheimer, graças a Deus, por isso me recorda bem do que vos vou comunicar:
“Nas eleições de Julho de 1987 os portugueses atribuem a primeira maioria absoluta a uma força política não coligada (com 50,2% dos votos para o PSD), que se havia de repetir nas eleições legislativas de 1991. Dessas vitórias resultaram, respectivamente, a constituição dos XI e XII Governos Constitucionais, apostados em conduzir reformas estruturais conducentes à economia social de mercado. Nesses anos fez-se uma reforma fiscal, que introduziu o IRS e o IRC, privatizaram-se empresas públicas, reformaram-se as leis laborais e agrárias e liberalizou-se a comunicação social, de que resultou a abertura da televisão à iniciativa privada e mais liberdade de informação. O país conheceu um crescimento económico apreciável, acima da média europeia, o que fez subir a popularidade de Cavaco Silva. A par de profundas melhorias na rede viária nacional, com vista a melhorar a coesão territorial do país, reabilitou-se de boa parte do património cultural público e deu-se o impulso a seis novos projectos: a renovação urbana em Lisboa Oriental e a organização da Expo 98, a construção da Ponte Vasco da Gama, a introdução do caminho-de-ferro na Ponte 25 de Abril, a construção da Barragem do Alqueva, a introdução do gás natural e a projecção do novo Aeroporto da Madeira.
No que diz respeito aos Caminhos de Ferro, em 1988, é aprovado o “Plano de Modernização dos Caminhos de Ferro 1988-94”, que aposta quase que exclusivamente nos sistemas ferroviários das áreas metropolitanas de Lisboa e Porto e também nos principais eixos de longo curso, sobretudo no eixo Braga – Faro. É inaugurada a nova travessia ferroviária do Douro pela Ponte de S. João e aprovado em concelho de ministros o atravessamento ferroviário na ponte 25 de Abril. Ao mesmo tempo, cerca de 770 km de via-férrea foram definitivamente encerrados. Foram suspensos em 1988 os serviços ferroviários na Linha do Sabor, na Linha do Vouga, entre Santa Comba Dão e Viseu e no troço da Linha do Douro, entre Pocinho e Barca de Alva. Em 1989, foi suspenso o tráfego na Linha do Sabor, Linha do Dão e troço Guimarães – Fafe, Ramal do Montijo, Ramal de Montemor e troço Pocinho – Barca de Alva na Linha do Douro.
A permitir estas reformas estavam as condições estabelecidas no Acto Único Europeu de 1986, ano da adesão de Portugal à Comunidade Económica Europeia. Em 1992 Portugal assume pela primeira vez a presidência do Conselho de Ministros da CEE, o que leva Cavaco Silva a abrir a cerimónia de assinatura do Tratado de Maastricht, fundador da União Europeia. Foi também sob a sua liderança, que Portugal esteve no centro da criação da CPLP - Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, e que foi decidida a realização anual das cimeiras luso-brasileiras.
Coincidindo com o abrandamento da actividade económica, os últimos anos do XII Governo, ficaram também marcados pela contestação social às reformas do cavaquismo. Cavaco Silva responderia com uma frase que se tornou célebre, «deixem-me trabalhar!», e classificava a oposição como «forças de bloqueio». De acordo com o governante, aqueles que se opunham às suas políticas faziam parte dessas forças. Entre os “bloqueadores” foram incluídos Mário Soares, que com as suas “Presidências Abertas” dava eco à contestação social que se fazia sentir no país, e António de Sousa Franco, então presidente do Tribunal de Contas, que várias vezes reprovou as contas enviadas pelo Governo.
Após dez anos como primeiro-ministro, Aníbal Cavaco Silva coloca-se de fora das eleições legislativas desse mesmo ano, e afasta-se da liderança do PSD, entretanto assumida por Fernando Nogueira. Nos anos seguintes, volta ao Banco de Portugal e à docência universitária. Mantém, todavia, uma marcante participação política, nomeadamente através de intervenções em colóquios e artigos na imprensa escrita, um dos quais, com o título “O Monstro”, criticava severamente as contas públicas e o orçamento de estado para o ano 2000 apresentado pelo governo socialista”. Como podem ver “O Monstro” era uma realidade, ou não foce a crise que estamos a sentir e á beira do abismo prestes a ter que aceitar o FMI pela desgovernação do PS (Partido Socialista). É ou não “O Monstro”!?
Parabéns ao grande estadista “Aníbal Cavaco Silva” reeleito. Quanto a “Manuel Alegre”, agora "Triste", que volte para a Argélia mandar cortar os seus patrícios.